Arquivo da tag: casamento civil

erika + serginho

*disclaimer* Este post tem alta probabilidade de ser o mais pessoal e emocional (e  por isso mesmo talvez cafona) jamais escrito por esta fotógrafa. Leia por sua conta e risco.

Mais de uma vez eu já escrevi e disse por aí que poucas coisas me fazem tão feliz quanto viajar. É verdade, ir para lugares desconhecidos me dá um prazer intenso, mas existe outra coisa que me deixa tão ou mais loucamente feliz: dançar até não aguentar mais ao lado dos mais queridos e amados amigos. Há 11 anos eu vim morar em São Paulo e me apaixonei por esta cidade e todas as possibilidades de alegrias noturnas embaladas pelos melhores djs do mundo e encontrei pessoas que me fizeram companhia em alguns momentos que posso chamar de os melhores da vida (you all now who you are, guys!). Serginho é parte dessa história e é seguro dizer que uma maneira de resumir um pedaço da minha vida nesse tempo todo é “há 11 anos eu me divirto vendo o japonês dançando”.

Um dia, seis anos lá atrás, este querido amigo chamou-nos todos para tomar umas champas no finado ampgalaxy e anunciou “vou me casar”. Foi um tanto surpeeendente, ninguém estava esperando por isso, mas como disse outra amiga querida, “quando acontece você sabe, it’s magic”. Eu lembro de ter soprado no ouvido dele aquela noite “eu vou fotografar”. Bem, casar ele casou, há seis anos eles estão juntos (e no foi no quintal deles que rolou o bailinho pós meu casório), mas o wedding só foi acontecer mesmo no sábado passado. E eu fotografei.

Então agora posso acrescentar à minha lista de coisas que me fazem muito feliz o ato de fotografar as pessoas que amamos. Não só fotografar quem amamos, mas fazê-lo no dia em que elas estão mais felizes do que nunca. Uma festa que não só celebrou esse encontro desses dois (que não poderiam ser mais perfeitos um para o outro) mas também a alegria que é estar entre amigos queridos, aqueles que são a nossa família escolhida.

Erika e Serginho, vocês são muito especiais e não havia mesmo possibilidade que o casamento de vocês fosse só um almoço para poucas pessoas. It had to happen on the dancefloor!


Eu não poderia ter feito as fotos sozinhas. Por mais que seja maravilhoso fotografar o casamentos de nossos queridos, tem uma hora que a gente quer participar comme il faut; eu precisava ir dançar (sem falar que eu estava tomando prosecco há um tempão e chegou um momento em que a câmera começou a ficar pesada…). Mil obrigados ao Gui por ter fotografado a balada e ter feito imagens históricas!

• Erika foi maquiada pelo incrível Wilson Eliodorio, que também resolveu cuidar de colocar uma florzinha na lapela do noivo (gente, não é um brócoli!). O vestido é Juliana Jabour. O almoço de comemoração com família e amigos foi no Studio 768 e a balada na casa de um amigo. Eu contei 15 horas de festa, mas não fui a última a ir embora…

fernanda + ricardo

Uma amiga um dia achou que tinha encontrado o par perfeito para a Fernanda. Acertou em cheio, eles formam um lindo casal. O casamento foi íntimo, um civil com poucos convidados mas muita vibração. O noivo falou de improviso e não fez feio. Nem o pai dele que, para encerrar a cerimônia, pediu que os noivos lessem o Soneto de Fidelidade um para o outro. Tenho certeza que Vinicius não se importou com o acréscimo “e que dure pra sempre!”.

_MG_6732

_MG_6874

_MG_6892

_MG_7013

_MG_7065

_MG_7188

_MG_7348

_MG_7363

• quem cuidou da maquiagem e cabelo da noiva foi o excelente Wilson Eliodório, casamento e recepção no Studio 768 (o espaço para eventos do restaurante Carlota).